Páginas

Visitantes

domingo, 30 de dezembro de 2012

Como você é medido? Mensagem de final de ano!



Muitos são os que medem as pessoas pelo número de zeros de suas contas bancárias, e, para estes, as pessoas valem o quanto elas possuem!

Alguns, auto intitulados de intelectuais, gostam de medir as pessoas pelos seus Quocientes de Inteligências e conquistas acadêmicas! 

Também não são poucos os que gostam de medir as pessoas pelas aparências, e, para estes, aparência é tudo, em prejuízo da essência!

Há também os que são chamados de religiosos e que gostam de medir as pessoas pela quantidade de dons, qualidade da homilia, notoriedade, graus eclesiásticos que possuem ou pela quantidade de horas que elas passam envolvidas com atividades religiosas!

Outros, chamados de justos, gostam de medir as pessoas pelo caráter e pelo senso de justiça que elas possuem! 
Apesar do homem ter descumprido os propósitos originais da criação e de ter se tornado pecador, Deus, no entanto, um certo dia olhou do céu e sentiu um forte amor pela humanidade, e, no uso de seu divino atributo da Onisciência, nos amou antes mesmo de nascermos, e, como Deus não criou robôs, mas sim seres humanos dotados de livre arbítrio, Ele bolou um plano para salvar a humanidade em que a participação do ser humano seria imprescindível. Neste plano, Deus deu seu único Filho para nos salvar, pois nós, pecadores, merecíamos morrer (João 3.16), mas Jesus, sem pecado algum, veio e morreu em nosso lugar! A participação do ser humano neste plano de salvação bolado por Deus é muito simples: Basta o ser humano acreditar nisto, confessar Jesus como salvador e seguir os ensinamentos dEle! Muitos rejeitam esta proposta simples, mas com consequências eternas. Eu não rejeito este plano, por isto mais uma vez digo: Obrigado Senhor, pelo teu Amor!

Não obstante, uma coisa deve ser dita: Sim, Deus ama a todos incondicionalmente, todavia, Ele também "mede" o ser humano! Isto mesmo, Deus "mede" as pessoas, só que Ele não mede as pessoas segundo os critérios supra mencionados, critérios estes utilizados pelos seres humanos, Deus mede as pessoas pelas intenções de suas mentes (muitas vezes chamado na Bíblia de coração), o que só Ele pode fazer com exatidão!

"porque o SENHOR não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração. " 1 Samuel 16:7, b" 

A passagem bíblica acima é referente ao personagem bíblico Davi, na ocasião em que ele foi ungido a Rei (Deus repreendeu o Profeta Samuel, que pensou que o Rei deveria ser um irmão de Davi, com melhor aparência e estatura do que Davi). 

Afinal, o que Deus viu no coração (no sentido de mente) de Davi? 

Em Davi Deus viu humildade, sinceridade, arrependimento pelas coisas erradas, senso de justiça, amor, amizade, perseverança, bondade, coragem, adoração ao Altíssimo e muita fé no Criador!

O Rei Davi, assim como nós em 2012, teve seus acertos e desacertos, seus momentos de tristezas e de alegrias, mas mesmo assim ele continuou sendo um homem segundo o coração de Deus e amado por Ele, pois mostrava arrependimento diante de seus erros, e, assim como foi com Davi, em nossas vidas não é diferente, pois o que mais pesa diante de Deus não são os nossos atos isolados, mas o nosso histórico como um todo (Noé se embriagou, mas não ele não foi um beberrão, Davi adulterou, mas ele não foi um adúltero) e Ele continua nos amando!

Nestas épocas em que os anos gregorianos mudam os seus numerais, quase todos fazemos uma retrospectiva do ano que se passou, e, com relação a isto, o que eu posso dizer é que, apesar de todos os nossos acertos e desacertos, de todas as nossas decepções e tristezas, nós (tanto este que escreve quanto estes que estão lendo esta mensagem) estamos saindo vivos desta grande experiência de vida que foi o ano de 2012, e isto, por si só, já é motivo de sobra para celebrarmos o fechamento de 2012 !

A época também é de sonhos e de se traçar objetivos, e, neste sentido, o que realmente almejo para cada um de nós numa perspectiva interior, já que o interior influencia o exterior, é que em 2013 possamos ser mais humildes, arrependidos (arrependimento verdadeiro é uma das chaves para as mudanças), justos, bondosos, corajosos para enfrentarmos os Golias de nossas vidas, amigos leais, perseverantes, adoradores do Criador e transbordantes em fé e amor! 

Sucesso e muita saúde a todos em 2013! 

Que Deus venha derramar bençãos imensuráveis sobre nós em 2013!

Abraços!!!

Um comentário:

  1. Paz do Senhor, meu amado irmão. Encontrei seu blog no portal dos blogs e vim visitar e estou seguindo apartir de agora.
    Aguardosua visita http://blogcrescimentocristao.blogspot.com.br/

    Graça e Paz

    ResponderExcluir